quinta-feira, 24 de dezembro de 2009

Prof. José Carlos Rocha assume assessoria especial

Por Lúcia Leiro

O prof. José Carlos Rocha, diretor do Campus XIX, fará parte da adminsitração central da UNEB nos próximos quatro anos, conforme notícia divulgada no site oficial da Universidade. Além do prof. José Cláudio Rocha, farão parte desse grupo os professores Luiz Carlos Santos e Zita Guimarães que já faziam parte do grupo gestor nos anos anteriores. Com isso, a reitoria reforça o apoio jurídico, já que dos três assessores, dois têm formação em Direito. O professor José Cláudio Rocha é formado em Direito, é doutor em Educação pela Universidade Federal da Bahia e é professor adjunto da Universidade do Estado da Bahia. Entre 2004-2006, coordenou o colegiado de Direito do Campus XIX e contribuiu na elaboração do Projeto do curso de Direito da Universidade.

UNEB: INTEGRANTES EMPOSSADOS

Por Lúcia Leiro

No dia 23 de dezembro de 2009, o Governador do Estado da Bahia deu posse ao Reitor da Universidade do Estado da Bahia, Prof. Lourisvaldo Valentim, e à Vice-Reitora, prof.a Amélia Maraux. Com isso, os gestores puderam empossar os membros que constribuirão na formação das pró-reitorias e assessorias. Os nomes em destaque foram nomeados para esse novo quadriênio.

Pró-reitorias:

Pró-reitoria de Administração: Durval Uzêda
Pró-reitoria de Graduação: Prof. José Bites
Pró-reitoria de Pesquisa e Pós-graduação: Prof. Wilson Matos
Pró-reitoria de Extensão: Prof.a Adriana Marmori
Pró-reiroria de Assistência Estudantil: Prof. Paulo José Gonçalves
Pró-reiroria de Gestão e Desenvolvimento de Pessoas - Prof. Marcelo Ávila
Pró-reitoria de Planejamento: Prof. Paulo Neiva

Assessoria Especial:

Luiz Carlos dos Santos
Zita Guimarães
José Cláudio Rocha


Chefe de Gabinete: Lídia Boaventura
Procurador-chefe da Procuradoria Jurídica: Dr. Eduardo Lessa
Diretor da Unidade de Desenvolvimento Organizacional: Djalma Fiuza

terça-feira, 22 de dezembro de 2009

Concurso para professor da Uneb tem inscrições abertas

Por Lúcia Leiro

A Universidade do Estado da Bahia (Uneb) inscreve até 29 de janeiro para concurso público para formação de cadastro reserva de professor auxiliar. O concurso deve convocar inicialmente os 100 primeiros candidatos classificados para 22 departamentos da universidade.

Para participar da seleção, os interessados devem se inscrever através do site www.concursodocente.uneb.br e pagar taxa de R$ 120.

A confirmação da inscrição deve ser feita na sede da Pró-Reitoria de Graduação (Prograd), no Campus 1 da Uneb, no bairro do Cabula, em Salvador, com a entrega da cópia do requerimento de inscrição e comprovante de pagamento, além dos documentos exigidos em edital. Há a opção de os candidatos enviarem a documentação via Correios (Sedex) para o endereço também especificado no edital.

Podem concorrer ao edital profissionais graduados que tenham, no mínimo, título de especialização. Cada candidato fará, no período de inscrição, opção por uma área de conhecimento, disciplina, departamento e campus.

Os candidatos serão submetidos a prova escrita, aula pública, memorial e prova de títulos entre os meses de fevereiro e março.

O concurso tem prazo de validade de dois anos, prorrogável por igual período, a partir da data da publicação dos resultados.


Fonte: http://www.concursodocente.uneb.br/FormConcurso.aspx?idConcurso=1

domingo, 20 de dezembro de 2009

Funcionamento das repartições públicas do Estado

Por Lúcia Leiro
Funcionamento para o fim-de-ano - Os órgãos públicos estaduais estarão fechados nos dias 24 e 31 de dezembro, vésperas de Natal e de Ano Novo, por conta dos pontos facultativos instituídos pelo Decreto nº 11.575, de 08 de junho de 2009. O atendimento será normalizado nas respectivas segundas-feiras seguintes, 28 de dezembro e 4 de janeiro.

As exceções são os serviços considerados essenciais, como policiamento e atendimento médico em prontos-socorros e hospitais públicos que não alteram as suas rotinas de trabalho, e a rede SAC - capital, interior e Pontos Cidadão - que terá expediente normal até o meio-dia no dia 24 e retomará o atendimento na segunda-feira, 28 de dezembro. Nos dias 31 de dezembro (feriado bancário) e 1º e 2 de janeiro, todos os postos SAC estarão fechados.

Fonte: http://www2.portaldoservidor.ba.gov.br/nonline_view.asp?cod=1019

Servidores Estaduais têm reajuste antecipado de 4%

Por Lúcia Leiro

Segundo o Portal dos Servidores do Estado da Bahia, haverá em janeiro de 2010 um reajuste linear, isto é, para todos os 267 mil servidores ativos e inativos, de 4%, conforme projeto de lei encaminhado nesta terça-feira à Assembléia Legislativa pelo governador Jaques Wagner.

VESTIBULAR 2010

                                                                         Por Milene Gonçalves

   Nos dias 20 e 21 de dezembro acontecerá o vestibular da UNEB. Mais de 44 mil candidatos  concorrem a 7.620 vagas em 145 opções de cursos nas modalidades presencial e de ensino a distância.

    No dia 20 será realizada as provas de Redação, Lingua Portuguesa, Lingua Estrangeira e Ciências Humanas. E no dia 21 as provas serão se Matemática  e Ciências da Natureza.

   O candidato deve estar munido de identificação original, o mesmo utilizado no ato da inscrição, que deve conter impressão digital, fotografia recente e estar em bom estado de conservação. É proibido o uso de telefones celulares nas dependências internas das escolas.

   Entre os cursos mais concorridos em Salvador, estão Direito (cerca de 55 candidatos por vaga) e Fisioterapia e Enfermagem (ambos com 44/1).


   No interior, o curso de Enfermagem, oferecido no Campus VII da universidade, em Senhor do Bonfim, superou a concorrência das demais graduações dos 23 campi, atingindo aproximadamente 25 candidatos por vaga. Em seguida está o curso de Direito, do Campus XIX, em Camaçari (20/1).

   O resultado do processo seletivo vai ser divulgado a partir do dia 20 de janeiro de 2010.

sábado, 5 de dezembro de 2009

MANIFESTO DOS ESTUDANTES DA UNEB CAMAÇARI

Por Milene Gonçalves



Hoje, 05 de dezembro de 2009, aconteceu um manifesto dos estudantes da UNEB Campus XIX, Camaçari. Os alunos (por volta de 100) saíram pelas ruas do centro da cidade protestando contra a falta de segurança no Campus e nos ônibus que fazem o trajeto Salvador x Camaçari.

Alunos decidiram não ir à universidade até o dia 20 de dezembro devido aos assaltos que estão acontecendo, e como no período de 21 de dezembro a 02 de fevereiro são as férias dos professores, as aulas voltarão dia 03 de fevereiro.

Todos os alunos saíram felizes do manifesto, pois viram que valeu a pena, e já dizem que esse não será o único manifesto.” Isso é só o começo”, diz um aluno durante o manifesto.


REUNIÃO DO COLEGIADO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS

Coordenação do Colegiado de Ciências Contábeis convoca reunião no dia 09/12, às 9h, no DCHT/Campus XIX.

PAUTA:


1. Informe
2. Proposta da oferta das disciplinas para o semestre 2010.1 e integralização curricular.
3. Proposta de formatação dos horários.
4. Disponibilidade docente.
5. Curso de Férias.
6. O que ocorrer

quinta-feira, 3 de dezembro de 2009

Estudantes da Uneb de Camaçari decidem não retornar às aulas

Redação CORREIO

Neste sábado (5), os alunos da Universidade do Estado da Bahia (UNEB), Campus XIX (Camaçari), realizarão um ato público a partir das 9h na Praça Abrantes. O estudantes reclamam que, apesar da garantia da Polícia Militar do reforço nas rondas no trecho da BR-324, um ônibus foi assaltado na tarde de quarta-feira (2).

Na última semana, as aulas do campus foram suspensas por conta da violência. Os ônibus da Empresa Regional que fazem a linha Salvador x Camaçari estavam sendo assaltados ceonstantmente. Porém, em reunião realizada na segunda-feira (30), o diretor da instituição, José Claudio Rocha, resolveu retornar o funcionamento dos três turnos do campus a partir desta quarta-feira.

Além da manifestação, os alunos de Ciências Contábeis decidiram também não retornar às aulas este ano, a fim de reivindicar melhorias para o Campus. Na Uneb de Camaçari funcionam dois cursos: Ciências Contábeis (vespertino e noturno) e Direito (matutino).

segunda-feira, 30 de novembro de 2009

Retorno das aulas no Campus XIX‏

A TARDE On Line


Os estudantes do Campus XIX da Universidade do Estado da Bahia (Uneb), localizado em Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador, voltarão às aulas na próxima quarta-feira, dia 2. A decisão foi tomada nesta segunda, 30, pelo diretor do campus, José Claudio Rocha, após uma reunião ocorrida entre representantes do Conselho do Departamento de Ciências Humanas e Tecnologias (DCHT) e o tenente-coronel Ivanildo Castro Pereira, comandante do 12º Batalhão da Polícia Militar em Camaçari.

Na última quinta, 26, as aulas haviam sido suspensas por conta dos constantes assaltos ocorridos nos ônibus que transportam os estudantes até o campus. Conforme o diretor, uma quadrilha de criminosos estaria atacando os ônibus da linha que serve o campus especialmente nos horários em que os alunos estavam em trânsito para a universidade ou na volta para casa.

Cerca de 60% dos 1.013 alunos que estudam Ciências Contábeis ou Direito no campus moram em Salvador e fazem o percurso até a universidade diariamente em transporte público. Segundo nota emitida pela Uneb, as aulas perdidas, no período em que houve suspensão, serão repostas de acordo com um calendário ainda a ser definido.

quinta-feira, 26 de novembro de 2009

CONSELHO DEPARTAMENTAL DECIDE PELA SUSPENSÃO DAS AULAS TEÓRICAS

Por Lúcia Leiro

Recebemos por e-mail a correspondência do Presidente do Conselho, prof. José Cláudio Rocha, sobre a decisão dos conselheiros pela SUSPENSÃO DAS ATIVIDADES TEÓRICAS devido aos transtornos pelos quais os estudantes passaram durante insistentes assaltos aos ônibus.

Leiam abaixo a mensagem na íntegra:

A Comunidade Acadêmica do Campus XIX

1. Considerando o aumento dos assaltos na Empresa de ônibus Viação Regional na linha Salvador x Camaçari e o risco para os alunos, professores e funcionários que utilizam diariamente este serviço, o Conselho de Departamento do DCHT/Campus XIX Camaçari, ouvindo a comunidade acadêmica, deliberou em caráter extraordinário e emergencial o seguinte:

1. Ficam suspensas as aulas teóricas no Campus XIX de 26.11. a 22.12.

de 23.12 a 02.01.2010 recesso natalino previsto no calendário da UNEB.

De 04.01.2010 a 02.02.2010 férias docentes prevista no calendário acadêmico.

Dia 03.02.2010 início das aulas (será convocada uma plenária departamental neste dia para avaliação das condições de retorno das aulas teóricas no campus ainda no mês de fevereiro).

2. No período de 26.11 a 22.12 os professores deverão desenvolver atividades como pesquisas, elaboração de resenhas, produção de artigos, visitas técnicas, entre outras, ficando a critério do professor com seus alunos a definição das atividades.

3. Está sendo providenciado junto a Gerência de Educação à Distância (GEAD) a criação de um ambiente on line (para cada disciplina) no campus virtual da UNEB para facilitar a comunicação entre professores e alunos e realização de atividades virtuais como entrega de trabalhos, produção de textos, realização de fóruns de discussão, postagem de vídeos e aulas virtuais entre outros.

4. Os professores que preferirem poderão repor suas aulas no retorno do semestre depois das férias docentes.

5. No período de 26.11 a 22.12.09 os órgãos do DCHT/Campus XIX como biblioteca, colegiado, direção, protocolo, secretaria acadêmica funcionarão no horário diurno das 08 h as 17 h de segunda a sexta feira.

6. Os alunos poderão utilizar os computadores do campus para realização das atividades propostas pelos professores;

7. Os docentes interessados poderão participar de um treinamento na GEAD sobre a utilização do ambiente moodle no PUSAI Lauro de Freitas.

8. Na segunda feira dia 30/11/2009 às 09:00h, será realizada uma nova reunião de plenária departamental para maiores informações sobre o funcionamento das atividades neste período.

9. Uma comissão composta pela direção, colegiados, professores, funcionários e alunos estará tomando providências junto aos órgãos públicos competentes para que a situação dos assaltos a professores, estudantes e funcionários na linha Camaçari Salvador seja resolvida.

10. Está também em negociação a implantação do transporte universitário para o Campus com a adesão de professores, funcionários e alunos ao sistema.

11. A polícia militar continuará as ações de repressão aos assaltos aos ônibus na região.

Todas essas medidas estão sendo tomadas para proteção da comunidade acadêmica.

José Cláudio Rocha
Professor Adjunto e Diretor do DCHT, Campus XIX, UNEB
Portaria UNEB 1403/2008 - End. Ba 512, Km 1,5, Camaçari, Bahia
CEP 42.810.440 - Tels. (071) 3634-5340 - 3634-5370


DISCIPLINAS: LINGUA PORTUGUESA E PORTUGUÊS INSTRUMENTAL

Por Lúcia Leiro

Os alunos das disciplinas LINGUA PORTUGUESA  e PORTUGUÊS INSTRUMENTAL deverão acessar as páginas abaixo para receberem as orientações da professora referentes às disciplinas:

a) http://lucialeiro.wikispaces.com/ - LINGUA PORTUGUESA
b) http://luciatleiro.wikispaces.com/ - PORTUGUÊS INSTRUMENTAL

DECISÃO DO CONSELHO: SUSPENSÃO DAS AULAS

Por Milene Gonçalves 

O comunicado abaixo foi enviado pela coordenadora acadêmica Thiara Bahia Barbosa para os e-mails das turmas do campus XIX.


Prezados Alunos

 
Foi decido na reunião que terminou agora as 18h30min que as aulas no Campus XIX serão suspensas, só retornando depois do carnaval. Porém na segunda-feira terá uma reunião pedagógica com os professores para deliberarem sobre reposição de aulas e atividades virtuais durante este período. Assim que tivemos a programação dessas atividades divulgaremos pelos e-mails.

quarta-feira, 25 de novembro de 2009

PROJETO 16 DIAS DE ATIVISMO SOCIAL

A “Campanha de 16 dias de ativismo na UNEB pelo fim da violência contra as mulheres: a multicampia em ação” é um evento de natureza interdisciplinar, organizado pelo Núcleo de Estudos de Gênero e Sexualidade Diadorim( NUGSEX Diadorim) e Sistema de Bibliotecas da UNEB – SISB/UNEB, que reflete diálogos possíveis entre a Universidade, os Movimentos Sócias e o Estado sobre a questão da violência contra as mulheres em suas múltiplas dimensões interseccionais.


Os objetivos dessa campanha são:

• Sensibilizar e conscientizar a todos/as sobre a violência contra a mulher.

• Visibilizar a Campanha de 16 dias de ativismo pelo Fim da Violência contra as Mulheres.

• Estimular estudos e pesquisas sobre as relações de gênero e a situação das mulheres com o recorde de raça/etnia,orientação sexual.

• Promover o debate sobre as múltiplas faces da Violência contra as mulheres; situação de violação dos direitos das mulheres homossexuais,ações de enfrentamento a lesbofobia, ao racismo e a outras formas de violência contra mulheres.

• Entre outros.



O público alvo dessa campanha é o público em geral: estudantes da Universidade do Estado da Bahia, comunidade camaçariense, professores,técnicos e profissionais das diversas áreas do conhecimento.


PROGRAMAÇÃO:

DIA 23/11/2009

9h-   Abertura Profª Lívia Rodrigues e Bibliotecária Gicélia Bárbara
        Distribuição de material dos Núcleos de Estudos da UNEB.

10h30min – Exibição de filme: A vida é Bela.

11h – Mesa redonda( aluna do curso de Direito do DCHT Camaçari)

13h30- Palestra Prof. Jailson Braga.
            Tema: As faces da violência um viés sobre gênero, orientação sexual e etnia.

14h – Balcão de informações sobre a AIDS e distribuição de camisinhas.

15h – NEHIS- Núcleo de Estudos Hispânicos e Núcleo de Estudos Canadenses. Apresentação por Prof.ª Cláudia Silva Santana.

16h – Exibição de vídeo: Educação em Direitos Humanos.

18h – Lançamento dos livros do Programa Educação em Direitos Humanos.


DIA 24/11/2009

09h – Exibição de filme: A lista de Schindler.

13h – Exibição de filme: Quanto Vale ou é por Quilo. Comentários: Profª Lívia Rodrigues.



DIA 25/11/2009


9H – Abertura Lívia Rodrigues e Gicélia Bárbara.
         Distribuição de camisas.

9h30min – Palestra Profª Sueli Messeder. Justiça Erótica: uma teórica radical para o sexo.

15h – Palestra: Dra. Thais Rosário. Delegada de Assistência à Mulher.

16h – Palestra: Dra. Aurenita Castillo. Secretaria de Assistência à Mulher.

17H – Apresentação teatral: Grupo GAPA.


DIA 26/11/2009

9h – Palestra Profª Lucia Leiro
        Tema: Mulher, Mídia e Gênero.

10h30 min: Exibição do filme: A excêntrica família da Antônia.

14h- Apresentação do Núcleo de Violência.
        Palestra : Dra. Leda Maria de Jesus.
                       Carmem Glades Cunha
                        Bárbara Monteiro.

19h- Palestra: Dra. Célia de Oliveira Jesus Sacramento.
        Tema: Controle Social e Políticas Públicas


REALIZAÇÃO


DCHT – NÚCLEO DE PESQUISA E EXTENSAO.


CENTROS ACADÊMICOS DE CIÊNCIAS CONTABEIS E DIREITO

ASSALTO VOLTA A ATERRORIZAR ESTUDANTES DE CAMAÇARI

Por Lúcia Leiro

A mensagem abaixo foi divulgada por e-mail e estamos publicando no Blog a fim de atender ao pedido do estudante Sidnei Queirós. Pelo visto, os assaltos no percurso Camaçari-Salvador não pararam e os estudantes continuam correndo risco de vida. Apesar dos estudante serem o nosso público interessado, o problema é mais amplo, pois envolve todos os usuários das linhas de transporte. É necessário uma atitude mais incisiva, no sentido de chamar atenção dos órgãos competentes e da mídia, pois não devemos esperar que o pior aconteça para que se tome providências.
Caros Professores, amigos e colegas da UNEB Campus XIX...


Hoje (24/11/2009), mais uma vez, houveram 03 assaltos no ônibus da Viação Regional que saíram de Salvador as 12:20h, as 13:40h e no das 14:20h.

Gente, os bandidos estão tão ousados que, do povoado de Palmares, fizeram o motorista (e deve ter sido Fabio) no horário das 13:40h, voltar até a Jaqueira na BR 324!

Sinceramente, a partir de amanha, dia 25/11/2005, não irei mais para faculdade, pois meu trauma ainda não foi curado diante do que sofri. E Gilson que me perdoe, mas faltarei à Primeira Avaliação de Estatística-1 amanha (25/11/2009)!!!!

A policia não fez e nem vai fazer mais nada, alem da abordagem que fizeram há uns 10 dias atrás.

Foram, aproximadamente, 10 assaltos do dia 04/11 até hoje dia 24/11. Esse número de assalto diz respeito aos que tomamos conhecimento, fora os que não soubemos!!!!

Etou prestes a conseguir um ônibus por R$ 6 mil/mês em média pra cada turno, o que ficará por aluno em torno de R$125,00. Inclusive pela Regional também, que ficou de me confirmar esse valor para ônibus grande, pois eles haviam pedido num MICRO-ONIBUS R$ 16 mil para os 03 turnos o que ficaria R$ 5.333,33 por turno.

A Viação Regional suspendeu a linha exclusiva que conseguimos porque o Sr.° Ivanildo ( Gerente de Trafego da Regional) me ligou na sexta feira, na hora de sair o ônibus das 17:40h da UNEB, e disse que 50 alunos por viagem não cobre os custos da viagem de um ônibus daqueles, visto que nós pagamos meia passagem, logo, isso corresponde a 25 passagens inteiras, e para manter esse serviço (que é extra para eles) teria que ter mais que isso.

Por isso, estou cotando outras empresas, e estou prestes a conseguir um ônibus por R$ 6 mil/mês em média pra cada turno, o que ficará por aluno em torno de R$150,00 por aluno +/-. Inclusive pela própria V. Regional também, que ficou de me confirmar esse valor para ônibus grande, pois eles haviam pedido num MICRO-ONIBUS, R$ 16 mil para os 03 turnos o que ficaria R$ 5.333,33 por turno.

Meu pensamento é assinar um contrato de serviço, com a empresa que melhor nos atender em preço e qualidade, em nome de todos que os queiram usá-lo, como se fosse (e será) um transporte escolar. Com isso, cada aluno quer assinar o contrato pagará, com boleto bancário em seu nome, o valor do transporte (R$150,00, por exemplo) mensalmente e independente do N° de dias que for à faculdade.

Só que isso não será resolvido, de imediato, com nenhuma das empresas. Levará um certo tempo, até porque tenho que conversar com os alunos dos 03 turnos e isso demandará tempo. E como só falta 01 mês para finalizar as aulas antes das férias, não teremos dias suficientes para iniciar o serviço do ônibus exclusivo, principalmente se não for fechado com a Regional.

Gostaria de sugerir ao nosso Diretor, a nossos Professores e também ao nosso Magnífico Reitor que se sensibilizem com nossa exposição/situação e suspendam as aulas ainda amanha (25/11/2009). Daí ficará mais fácil e mais tranqüilo para fechar o ônibus na volta às aulas em 02/02/2010.

Prometo me empenhar, ainda mais, nesse sentido!

Mas por favor, não esperem que o pior nos aconteça! Pois, estou vivo hoje porque tive sorte dos bandidos terem me perguntado se eu era policial antes de terem atirado em mim, porque uma hora dessas não estaria aqui mandando este email pra vocês.


Quem tava comigo sabe disso!!!


Não quero, com esse e-mail, colocar a carga da responsabilidade em ninguém. Mas infelizmente a situação não é nada agradável para nós alunos!!!


Aguardo resposta com urgência!!!


E aos meus Amigos e colegas que são alunos, por favor, precisamos nos unir daqui pra frente e firmar o contrato com a empresa do ônibus exclusivo que é para nossa segurança. Por isso, me procurem com urgência para adesão ao contrato, ok?!!

Espalhe esse email para todas as pessoas e email de turmas do Campus XIX que você conhece com Urgência!!!

Atenciosamente,

Sidinho Queiros.
7° Semestre do Curso de C. Contábeis Vespertino.

terça-feira, 24 de novembro de 2009

4ª feira de negócios



O Departamento de Ciências humanas e tecnologias, do campus XIX – Camaçari promove junto a toda a comunidade empreendedora da cidade e adjacências a 4ª feira de negócios, que será realizada no dia 5 de dezembro de 2009, das 8:00 às 16:00, no próprio departamento.

Essa que visa abranger mais conhecimentos na área do empreendedorismo a estudantes, professores, comunidade acadêmica, comerciantes, representantes de empresas de pequeno, médio e grande porte, associações de bairro e população empreendedora.

Oferecer ao público-alvo projetos empreendedores de bens e/ou serviços, que viabilize a captação de recursos no mercado, para uma posterior aplicação na área da indústria, do comércio e serviços.

Através de um concurso aberto entre os discentes do departamento matriculados na Universidade do Estado da Bahia devidamente matriculados nas Instituições de Ensino Superior do Estado, os candidatos elaborarão seus respectivos projetos e os encaminharão à mesa avaliadora, composta por professores da UNEB. Os trabalhos aprovados, através de uma série de requisitos propostos pelos avaliadores, serão encaminhados à Feira para apreciação do público. Os vencedores do concurso serão premiados. Haverá stands com apresentação dos projetos em vários tipos de cooperativa, como exemplo:

Cooperativa de artesanato
Cooperativa de Credito
Cooperativa de Customização de roupas
Cooperativa de Pães
Cooperativa de Prestação de serviço
Cooperativa de Reciclagem com garrafa pet
Cooperativa de Reciclagem de óleo de cozinha (em sabão)
Cooperativa de Seguro de vida
Cooperativa de sistema da informação
Cooperativa de Táxi
Cooperativa de Trabalhadores rurais autônomos

Além dos stands com essas apresentações de projetos terão também palestras e oficinas, com devidos temas que serão divulgados brevemente.

quinta-feira, 19 de novembro de 2009

CAMPANHA DE PRESERVAÇÃO DO ACERVO BIBLIOGRÁFICO 20/11/2009

A Campanha de preservação do acervo é um evento educativo organizado pelos coordenadores das bibliotecas da UNEB.

Esta ação está articulada a Biblioteca Central consolidando-se como uma estratégia de sensibilização e mobilização da comunidade unebiana no tocante a problemática que atinge não somente as bibliotecas da UNEB, mas todas as bibliotecas do país: DEPREDAÇÃO DO ACERVO BIBLIOGRÁFICO.

Paralelamente serão desenvolvidas atividades em homenagem ao dia 20 de Novembro, dedicado a "Consciência Negra"; visto que, a UNEB é uma universidade inclusiva e abomina qualquer tipo de discriminação.


Essa campanha tem como objetivos:

• Sensibilizar e conscientizar a todos sobre a importância da preservação do acervo bibliográfico;

• Multiplicação do acervo;

• Estímulo à leitura;

• Lutar pela afirmação do negro na sociedade.

O público alvo dessa campanha são os estudantes, professores, técnicos e profissionais da Universidade e a comunidade de Camaçari.


PROGRAMAÇÃO 20/11//2009


09h - Abertura: Prof.ª Lívia Rodrigues e Bibliotecária Gicélia Bárbara.
          Distribuição de fitas do Sr. do Bonfim.

09h30min - Palestra: Pausa para pensar: considerações sobre o ato de estudar, de Paulo Freire por G. Bárbara.

10h - Exibição de filme: Lendo Vozes.

10h30min - Baiana do acarajé com tabuleiro de iguarias.
                    Apresentação cultural: Capoeira.

11h - Exibição de filme: Memória Negra, de Abdias Nascimento.



REALIZAÇÃO


DCHT - CAMPUS XIX


BIBLIOTECA

domingo, 15 de novembro de 2009

RESULTADO DAS ELEIÇÕES


MENSAGEM DA DIREÇÃO DO DEPARTAMENTO: DEBATE SOBRE SEGURANÇA PÚBLICA

Por Lúcia Leiro


Na próxima terça-feira, dia 17 de novembro de 2009, às 18h, o Departamento promoverá um debate sobre os problemas referentes aos assaltos que os alunos vêem sofrendo durante o percurso Camaçari-Salvador no ônibus da empresa Regional. Diante da seriedade do problema e da recorrência dos atos, o diretor do Departamento enviou uma mensagem para toda comunidade interna e externa, convocando todos/as para um debate sobre o tema. Segue abaixo a mensagem do Diretor enviada por e-mail:

"A comunidade acadêmica do Campus XIX


Infelizmente, nos últimos dias tivemos um clima de insegurança no campus em razão dos assaltos envolvendo alunos e alunas nos ônibus da Viação Regional. Em reunião com a gerência da empresa, ficamos sabendo do registro de quatro assaltos neste mês somente na linha SSA x Camaçari, sem considerar as demais linhas da empresa. Foi também reforçada a estatística que revela o aumento de casos no final do ano e de que a violência não atinge somente a UNEB mas outras empresas e instituições que estão no pólo de Camaçari e região. Desta forma, estamos tomando todas as providências possíveis junto às autoridades para que medidas sejam adotadas em defesa do cidadão e da cidadã que necessitam do transporte público. As providências já tomadas foram as seguintes:

1. Reunião com a AGERBA;

o Pontos da discussão:
§ Criação de uma linha exclusiva para atender a UNEB;
§ Subida dos ônibus até o campus universitário evitando a exposição das pessoas no ponto de ônibus;

o Encaminhamentos:
§ A AGERBA ficou de produzir um estudo de viabilidade das demandas da comunidade da UNEB e convocar uma nova reunião em uma semana;

2. Reunião com o Comando da Polícia Militar;

o Pontos da discussão:
§ Segurança para a comunidade no campus, ponto de ônibus nos ônibus interurbanos;

o Encaminhamentos:
§ A polícia militar irá realizar barreiras na saída de Camaçari, blitz no ponto de ônibus e em todo o trajeto do ônibus da Viação Regional para coibir a ação dos assaltantes;

3. Reunião com a Empresa Viação Regional;

o Pontos da discussão;
§ Criação de linha exclusiva para atendimento da comunidade do Campus da UNEB em Camaçari;
§ Transporte para o período noturno para os professores do Campus XIX me razão dos assaltos;

o Encaminhamentos:
§ A Viação Regional disponibilizará em caráter provisório ônibus para atender aos alunos dos turnos noturno e vespertino com saída prevista do Iguatemi a partir da segunda-feira. Com os alunos de direito será realizado um levantamento para verificar a demanda para o transporte, sendo do interesse da empresa disponibilizar também no turno matutino;
§ Como são necessários 50 alunos para viabilizar a proposta, as listas para os interessados estará disponível no protocolo do departamento a partir da segunda-feira.Para cada horário será designado um líder e só será permitida a entrada de pessoas que estejam na lista.
§ Na próxima terça-feira foi agendada uma reunião com a gerência comercial da Regional para detalhamento da proposta. Será discutido também a implantação de um microônibus para atender os professores do horário noturno.
§ Marcar reunião com a Associação das Empresas de ônibus (ABENTO) para discutir ações que visem coibir os assaltos na região;

4. Reunião com a polícia civil;

o Pontos de discussão:
§ Segurança no Campus;

o Encaminhamentos:
§ Encaminhamento das cópias dos boletins de ocorrência para a delegacia em Camaçari;
§ Aumento da vigilância na Região do Campus;

5. Reunião com o Secretaria de Segurança Pública;

o Pontos de discussão:
§ Segurança no Campus;
o Encaminhamento:
§ Ofício encaminhado solicitando audiência com o Secretário de Segurança solicitando providências em relação aos assaltos;
§ Ofício ao reitor solicitando apoio para intermediação da audiência com o secretário;

6. Ofício e reunião com o reitor;

o Encaminhamentos:
§ Envio de memorandos ao Reitor com os boletins de ocorrência relatando os assaltos no campus e solicitando apoio junto às autoridades;
§ Solicitação de reunião com reitor para discussão dos problemas de segurança do campus.

São essas as informações que gostaria de prestar a comunidade neste momento, ao tempo em que convoco a plenária do departamento para avaliar a situação e discutir as possibilidades de ação neste momento.

Os alunos que residem em Salvador e querem participar do sistema de linha exclusiva devem realizar sua inscrição o mais rápido possível no protocolo do departamento.

Aos alunos de Dias D’Avila e Simões Filho estamos avaliando a situação junto as empresas de ônibus que atendem a esses municípios.

Agradeço a colaboração de toda a comunidade que está mobilizada para superar esse problema.

Solicito a ajuda dos internautas para divulgar essa informação com os alunos do campus.

Atenciosamente,
José Cláudio Rocha
Professor Adjunto e Diretor DCHT/Campus XIX Camaçari UNEB
Ba 512, Km 1,5, Pólo Petroquimico, Camaçari, Bahia, Brasil
CEP 42.810.440 Tels. 55 (71) 3634-5340/5231 - www.uneb.br


Informamos a todos que o Blog do Departamento está diariamente recebendo mensagens e sugestões de pauta. Portanto, caso tenham interesse em algum tema, envie a sua sugestão para compormos uma matéria e, ainda, irmos atrás dos fatos.



Equipe de Repórteres do Blog

terça-feira, 10 de novembro de 2009

O EVENTO



Postado por Milene Gonçalves


O VII EBECIC será realizado por estudantes da UESC (Universidade Estadual de Santa Cruz) em parceria com a professora Núbia Aparecida e o professor Lino Cintra, que aproveitaram a oportunidade do evento para comemorar os 10 anos do curso de Ciências Contábeis na Universidade.

Sob o tema: O PAPEL DA CONTABILIDADE NA GESTÃO DE CRISES, o encontro será realizado entre os dias 11 (onze) de novembro a 14 (quatorze) de novembro de 2009 na UESC.


Fonte: http://www.ebecic.com.br/

20 de Novembro, dia da Consciência Negra

O Dia da Consciência Negra é celebrado em 20 de Novembro no Brasil e é dedicado à reflexão sobre a inserção do negro na sociedade brasileira.


A data foi escolhida por coincidir com o dia da morte de Zumbi dos Palmares, em 1695. Apesar das várias dúvidas levantadas quanto ao caráter de Zumbi nos últimos anos, o Dia da Consciência Negra procura ser uma data para se lembrar a resistência do negro à escravidão de forma geral, desde o primeiro transporte forçado de africanos para o solo brasileiro (1594).


Algumas entidades como o Movimento Negro (o maior do gênero no país) organizam palestras e eventos educativos, visando principalmente crianças negras. Procura-se evitar o desenvolvimento do auto-preconceito, ou seja, da inferiorização perante a sociedade.

Outros temas debatidos pela comunidade negra e que ganham evidência neste dia são: inserção do negro no mercado de trabalho, cotas universitárias, se há discriminação por parte da polícia, identificação de etnias, moda e beleza negra, etc.

O dia é celebrado desde a década de 1960, embora só tenha ampliado seus eventos nos últimos anos; até então, o movimento negro precisava se contentar com o dia 13 de Maio, Abolição da Escravatura – comemoração que tem sido rejeitada por enfatizar muitas vezes a "generosidade" da princesa Isabel, ou seja, ser uma celebração da atitude de uma branca.

A semana dentro da qual está o dia 20 de novembro também recebe o nome de Semana da Consciência Negra.

ELEIÇÕES DIRETAS PARA OS CARGOS DE REITOR E VICE-REITOR DA UNEB - QUEDRIÊNIO 2010- 2013...12/11/2009

Postado por Milene Gonçalves

A Comissao Eleitoral das Eleições Diretas para os Cargos de Reitor e Vice-Reitor da UNEB (quadriênio 2010-2013) é formada pelos seguintes membros:

Aldrin Armstrong Silva Castellucci Docente / ADUNEB
Abraao Feliz da Penha Docente / ADUNEB
Iraid Assunção de Jesus Tecnica / SINTEST
Wellington Jose dos Santos Junior Discente / DCE
Marcelo Duarte Dantas de Avila Docente / Representante do CONSU

Quem pode votar:

O corpo docente e técnico-administrativo efetivo, o corpo discente, corpo docente e técnico-administrativo, contratados pelo Regime Especial de Direito Administrativo – REDA e os ocupantes de cargos comissionados ingressos na Universidade há mais de 10 (dez) anos ininterruptos, e seus votos tem o peso de 1/3 (um terço), 1/3 (um terço), 1/3 (um terço), respectivamente.

Os estudantes dos cursos de graduação ou de pós-graduação oferecidos e ministrados pela Universidade do Estado da Bahia - UNEB, desde que regularmente matriculados.

Quem NÃO pode votar:

Os professores em gozo de licença para interesse particular e à disposição de outro órgão.
 
Os servidores técnico administrativos em gozo de licença para interesse particular, à disposição de outro órgão e os cargos comissionados com menos de 10 (dez) anos

Como votar:

Por ordem de chegada, o votante deverá se identificar através de documento de identificação (contracheque, no caso de docente e técnico-administrativo, e RG, no caso de estudante).
Após o voto, o votante dobrará a cédula e a depositará na urna eleitoral.

Eleitores em trânsito

Ocorrerá voto em trânsito (separado) quando:

I - não constar o seu nome na lista do votante e este pertencer, comprovadamente, à Unidade/órgão que se encontra a urna;
II - o eleitor que estiver eventualmente em outro campus da UNEB;

Autorizado o voto em separado, o eleitor assinará a folha especial, sendo sua cédula colocada em um envelope, o qual será lacrado e colocado na urna.

Fonte: Texto escrito com base no site http://www.eleicao.uneb.br/

ALUNOS E PROFESSORES, FIQUEM ATENTOS!

Por Lúcia Leiro

O calendário acadêmico informa que os PROFESSORES têm até o dia 10 de novembro para encaminhar os projetos de monitoria de extensão para o Departamento, via NUPE;

O calendário acadêmico informa ainda que entre os dias 01 a 04 de dezembro, período de inscrição para seleção de monitoria para 2010.1, os ALUNOS, que têm interesse em participar de algum projeto, devem se dirigir ao NUPE ou ao Protocolo do Departamento para efetuar a inscrição. Antes disso, vale a pena se informar sobre a documentação exigida e sobre o processo de seleção.

E para concluir, teremos em novembro o Dia da Consciência Negra, 20, e os 16 dias de Ativismo que começa no dia 25, com o Dia Internacional de Não-violência à Mulher.

domingo, 8 de novembro de 2009

O CAMPUS XIX FORMA MAIS UMA TURMA

Por Lúcia Leiro

A turma que se formou ontem à noite recebeu o nome do professor Claudemiro França de Brito que compôs a mesa juntamente com o professor José Cláudio Rocha, representando a direção do DCHT/Campus XIX e o Magnífico Reitor professor Lourisvaldo Valentim, além da professora Márcia Margarida, professora homenageada, o professor Sérgio Henrique, a contadora Maria Constança Carneiro Galvão, presidenta do Conselho Regional do CRC, Uilames Bonfim, técnico-administrativo homenageado, a coordenadora acadêmica Thiara Barbosa, Arlan Macedo e a professora Lúcia Leiro, convidada naquele momento pelos formandos para compor a mesa, substituindo o professor Leonardo Machado que não pode comparecer.

A solenidade foi conduzida com grande competência pela Lagdibá Produções, tendo à frente o produtor de eventos, professor e poeta José Carlos Limeira, que possui larga experiência em realização de eventos e como mestre de cerimônias, e pelo formando Márcio Nonato que com desenvoltura assumiu o púlpito, dando leveza à solenidade, com o dinamismo e a alegria que lhe são característicos.

No Teatro da UNEB, os formandos e seus familiares puderam participar de momentos emocionantes como, por exemplo, no momento em que cada um dos alunos entrou no Teatro sendo ovacionados pelos convivas e, também, quando eles receberam das mãos do diretor a colação de grau e o diploma dos pais e entes queridos.

A graduação representa o crescimento pessoal e profissional e a promessa de dias melhores, mas, sobretudo a convicção de que ter mente um propósito e lutar por ele é determinante para um futuro promissor.

Após a solenidade, marcada pelos discursos primorosos da professora Márcia Margarida e da Presidenta do Conselho Regional do CRC, contadora Constança Galvão, os graduados, familiares e convidados foram participar da recepção e confraternização no Costa Verde Tênis Clube.



Turma "Claudemiro França de Brito"


Prof. José Cláudio Rocha, representando o Departamento e o Reitor



Professora Homenageada Márcia Márgarida


Contadora Constança Galvão



Professora Márcia Margarida e a formanda Camila Paixão

Empresa responsável pelo evento



Carlos Limeira, produtor do evento, e a Prof.a Lúcia Leiro

Thiara Bahia, coordenadora acadêmica, e
Uilame Bomfim, técnico-administrativo homenageado


Profª Márcia Margarida e profª Lúcia Leiro


Profª Lúcia Leiro, prof. Sérgio Henrique e profª Márcia Margarida



A Turma!

sexta-feira, 6 de novembro de 2009

Eleições para Reitoria

Por Helder Oliveira
No dia 23, recebemos a visita do professor Valentim e da professora Amélia, candidatos a recondução do cargo de reitor e vice-reitor, respectivamente, para o quadriênio 2010-2014. Sabemos que este evento é de grande importância para a comunidade acadêmica. No nosso departamento, a eleição tem sido comentada entre as diferentes categorias, embora sem muito ânimo e disputa já que a chapa é a única lançada.
Para falar mais sobre o assunto, que é de extrema importância para toda a universidade, convidamos o atual diretor do nosso departamento o prof. José Cláudio Rocha para uma entrevista ao Blog do DCHT Campus 19, no dia 05/11/2009. Confira a entrevista abaixo.

Blog do Departamento: Professor, Boa Tarde! Somos os monitores do Blog do Departamento, coordenado pela professora Lúcia Leiro, e gostaríamos de fazer algumas perguntas referentes à eleição para a reitoria.

Prof. José Cláudio: Sim. Pois não.

Blog do Departamento: Então vamos começar. A nossa primeira pergunta é. Qual seu posicionamento em relação às eleições para a reitoria, o senhor poderia comentar um pouco sobre a gestão do então atual reitor, que é candidato à reeleição?

Prof. José Cláudio: Como pessoa e como professor eu apoio a candidatura do professor Valentim a reitoria. Durante o tempo que eu estou na gestão deste departamento pude ver de perto o trabalho do professor Valentim. Conheço o professor Valentim antes mesmo dele torna-se reitor da UNEB, nos conhecemos quando eu trabalhava com movimentos sociais rurais. Foi o Professor que abriu as portas da universidade para o Seminário Terras Públicas na Bahia que foi um seminário desenvolvido por mim na época, e foi o professor que possibilitou o bom desenvolver deste evento cientifico, desde lá mantemos um agradável relacionamento. Em relação à gestão gostaria de caracterizar como democrática. Ele possibilita uma interação entre todos os segmentos da universidade assim como também viabiliza bastante o diálogo entre aluno e reitor.

Blog do Departamento: Quais as ações que o candidato a reeleição pretende desenvolver em nosso departamento?

Prof. José Claudio: Antes de tudo solicitamos ao candidato uma garantia de estrutura do campus atual, assim como a mudança para o novo campus, pois sabemos da dificuldade que estamos enfrentando com a estrutura atual do campus. A mudança para o novo campus é extremamente necessária.

Blog do Departamento: Em relação ao novo campus, qual o andamento do processo para a mudança no menor tempo possível?

Prof. José Cláudio: Amanhã estaremos redigindo um documento solicitando a desapropriação do terreno pela prefeitura. A prefeitura de Camaçari nos doou um terreno com 30.000 m2 , que fica localizado após do HGC ( Hospital Geral de Camaçari). Lá atualmente está sendo construída a unidade do IFBa (antigo Cefet). O nosso novo campus ficará estruturado lá. Na verdade, será uma cidade universitária que integrará o IFBa, CETEB, SENAI e UNEB. Há alguns dias atrás estive reunido com alguns pesquisadores que realizaram pesquisas sobre as demandas de cursos universitários para a região de Camaçari e eles constataram que os cursos voltados para a questão energética serão os cursos com maior procura no futuro. E, também, já os cursos atuais terão seu foco voltado para a questão ambiental, e o curso de Economia que já está em processo de tramitação. O objetivo é trazer para Camaçari o que a UNEB tem de melhor.

Blog do Departamento: E o que a UNEB tem de melhor para a oferecer ?

Professor José Cláudio: Podemos citar o curso de robótica, sabe-se que a UNEB tem o terceiro melhor curso de robótica do Brasil, e os cursos que tem maior destaque na Universidade, assim como a Pós Graduação (Stricto Senso) e o Mestrado Interinstitucional que está em fase de andamento.

Blog do Departamento: Ainda em relação ao novo campus, que gera uma expectativa entre todo o departamento. Quais são as fases necessárias para a real implantação do mesmo?

Prof. José Cláudio: Inicialmente é necessário fazer a desapropriação do terreno que está a cargo da prefeitura municipal. Em segundo plano pretendemos a colocação da pedra fundamental ainda este ano. A fase estrutural deverá começar no mês de março de 2010, e aí é só esperar o prazo dado pela construção civil, que seria numa média de uns 10-12 meses.

Blog do Departamento: Como será feita a captação de recursos para a construção do novo campus?

Prof. José Cláudio: Nós aderimos ao um novo modelo de captação de recursos que é captação financeira nas três esferas do poder: federal, estadual e municipal. Sabemos, porém, das dificuldades que se encontra num estado que possui uma renda altamente concentrada e onde este ano teve a menor arrecadação dos últimos 4, 5 anos. Mas estaremos recorrendo às fontes necessárias para que esta captação chegue o quanto mais rápido para a construção do nosso novo campus.

Blog do Departamento: Sabemos que a visita de um reitor a um departamento é muito importante. O que o senhor poderia nos dizer do atual gestor que só esteve aqui no campus na época da corrida pelas eleições da reitoria?

Prof. José Cláudio: Nós sabemos que um reitor de uma universidade, da dimensão da UNEB, possui muitas atividades e possui muito campus a percorrer. Mas o professor Valentim tem, sim, dado uma atenção ao nosso departamento. Não sei se é conhecimento de todos, mas o reitor sempre está presente nas reuniões com a prefeitura, juntamente conosco, inclusive nos finais de semana, onde os governantes possuem maior tempo para discussões desse tipo. Também já tivemos um CONSU aqui no departamento, que contou com a presença do professor Valentim, e em outros momentos como formaturas, seminários o professor Lorisvaldo se fez presente. E em minha opinião acredito na preocupação do reitor com o departamento.

Blog do Departamento: Obrigado, pela entrevista Prof. Cláudio.

Prof. José Cláudio: Obrigado vocês, sempre que quiserem estarei à disposição.

quarta-feira, 4 de novembro de 2009

ENTRE UMA AULA E OUTRA, A FESTA!

Por Lúcia Leiro
Para Neguinnho do Samba, in memoriam
O calendário acadêmico, quando chega no final do ano, sempre é intercalado pelas festas populares que começam com o início do verão ou até mesmo antes. Salvador e toda a região metropolitana passam a conviver com um céu e mar azuis, roupas mais leves e claras e a expectativa de um final de semana com sol e praia. Tudo isso regado a um volume estrondoso de festas que explodem pelos quatro cantos das cidades.

Nesse meio tempo, professores e alunos tentam garantir a concentração, o cumprimento do conteúdo e a aprendizagem, pois, como sabemos, o último semestre do ano letivo é entremeado pelas festas de final de ano. Inicia com o recesso de dezembro (Conceição da Praia, Natal e Ano Novo) e culmina com as férias docentes que inclui a Ressaca do Ano Novo, a Festa do Senhor do Bonfim e as incontáveis lavagens e ensaios. No dia 02 de fevereiro, segundo o calendário acadêmico, retornamos (?), mas é Festa de Iemanjá. Salvamos em uma pasta o nosso "esforço" em reiniciar o semestre e partimos para o Rio Vermelho para a nossa aula inaugural de retorno que poderia ser ministrada por docente de qualquer área do conhecimento. Letras? Contabilidade? Administração? Economia? Direito? Pedagogia? Psicologia? Matemática? Antropologia? Sociologia? Nas festas populares, encontramos corpus e corpos para todos os estudos.
Na semana seguinte, paramos para o Carnaval, lembrando-nos de que muito antes todos já desaceleraram das aulas, pois toda a energia e concentração volta-se para o recesso carnavalesco, seja na correria pelo abadá ou pelas viagens para o interior. Chega o Carnaval e, como sabemos, depois de hospedar por uma semana Baco, (Evoé!) precisamos de pelo menos um mês para sairmos de um estado de euforia quase letárgica (só na Bahia mesmo para as antíteses conviverem quase sem conflito) para entramos em aula, em uma letargia quase eufórica.

Nesse vai-e-vem, na gingada do calendário acadêmico, aprendamos alguma coisa com a nossa cultura, pluriritmíca, multireferencial, antitética ou, como querem alguns, barroca! Não somos cátedras nascidos e nascidas entre os bosques verdejantes e as savanas desérticas. Não nascemos para ver o outro, o exótico, e analisar, pois para nós o outro é nós mesmos. Somos sujeito e objeto do nosso próprio refletir.

Para nós, filhos e filhas dos trópicos, resta-nos, entre uma aula e uma festa, tentar ajustar o nosso passo ao ritmo da dança, recuperar o ritmo no embalo das teorias, nas danças das críticas e ao som das correntes filosóficas.

Somos o signo do ritmo, a personificação da transcendência em movimento, prontos e prontas para acompanhar as batidas e construir uma nova coreografia, espontaneamente, como os meninos e meninas nas ruas, para, enfim, convertê-la em prazer estético, em espetáculo ou, apenas, em satisfação pessoal ou, quem sabe ainda, nas três coisas juntas.

Podemos aproveitar os signos do nosso verão e, quem sabe, usarmos uma metodologia mais leve, recursos mais coloridos, textos mais melodiosos e estratégias mais suingadas. Não há como resistir: melhor aproveitar o clima e transformar a aula em um espetáculo carnavalesco onde as teorias e as práticas possam, enfim, se encontrar e, divertidamente, saltitarem ao som do axé ou da cadência da levada, certos e certas de pertencermos a uma cultura em que a festa é mais que diversão, é um estado de espírito, é a afirmação de uma cultura e é, ainda, como diz Caetano, "um jeito de corpo".

sexta-feira, 30 de outubro de 2009

VISITAS AO NOSSO BLOG

O BLOG DO DCHT/CAMPUS 19 recebeu entre o dia 19/10/2009 e 30/1//2009 (até às 13h) a visita de 366 pessoas.

Agradecemos e contamos com a sua participação e divulgação.

quinta-feira, 29 de outubro de 2009

CALOURADA 2009

Comissão Organizadora da Calourada 2009

No dia 24 de outubro, foi realizada a 2ª Calourada Problem@.com ao som de muito forró,partido alto e pagode.

A festa foi realizada na Associação de Moradores da Gleba B com alunos de Contábeis e Direito, ex-alunos, professores, funcionários da UNEB e amigos compareceram para dar as boas-vindas aos calouros. Estima-se que aproximadamente 200 pessoas estiveram presentes no evento.

Segundo os organizadores da Calourada, foram vendidas 180 camisas, na troca das camisas foram doados brinquedos que serão entregues às crianças carentes. Continuo sem entender esse parágrafo.

Infelizmente o evento não pode contar com a presença em massa dos professores do departamento, apenas uma, a Prof.ª Lúcia Leiro, esteve presente para prestigiar.

De acordo com Roberto um dos organizadores: “O evento tem como alvo integrar os alunos de todos os turnos do departamento. Assim como a integração dos novos ingressos (calouros), e mostrar todas as nuances e perspectivas do curso, para aqueles que estão chegando agora.”

A calourada teve três bandas fazendo a animação da comunidade unebiana, entre elas podemos destacar o “Trio Fulero” que é formada por acadêmicos do curso de Direito do departamento. As outras bandas que foram de partido alto e pagode também fizeram a alegria dos presentes.

O corpo técnico do Departamento também registrou sua presença na calourada, como a Coordenadora Acadêmica Thiara Bahia. Também fizeram-se presentes: Vanessa Santana (Biblioteca), Sandra Carvalho (Biblioteca), Cláudio Sena (motorista), Cláudia (Acadêmica), Geisa (Colegiado de Contábeis). O evento, curiosamente, contou com poucos calouros que estavam sendo identificados na festa através de uma camisa na cor rosa choque, já os veteranos estavam caracterizados com uma camisa de cor amarela.

E claro que os blogueiros de plantão (Helder e Milene) estavam lá para registrar todos os momentos. A oportunidade de fazer novas amizades e rever as antigas foi um dos pontos mais altos da festa, além do bate-papo, da dança e da troca de “resenhas” que se tornam elementos indispensáveis neste tipo de evento.

Os acadêmicos já anseiam pela próxima calourada que será no começo do semestre de 2010.1, esperamos contar com todos da comunidade unebiana do Departamento XIX.

E que venha a próxima calourada.....






O que vocês acharam da Calourada 2009? Poste aqui o seu comentário.

segunda-feira, 26 de outubro de 2009

No dia 23 de Outubro, o Campus XIX da UNEB (Camaçari) recebeu a visita dos candidatos a reeleição para o cargo de reitor e vice-reitora Lourisvaldo Valentim e professora Amélia Maraux, respectivamente. Na audiência publica, estiveram presentes representantes da comunidade acadêmica – professores, técnicos e alunos – e da Prefeitura de Camaçari.

Os candidatos fizeram uma avaliação dos últimos 4 anos e os planos para os 4 anos seguintes. Entre os pontos citados apareceram: aumento do acervo bibliográfico e a construção de sedes próprias.

Quando questionados sobre o Campus de Camaçari, a candidata Amélia Maraux falou sobre a ampliação de investimentos para o Campus, visando a melhoria da infra-estrutura e da biblioteca, sobretudo no que diz respeito a informatização.
Depois da apresentação das propostas, foram abertas perguntas para alunos, comunidade, técnicos e professores presentes. Foram cobrados dos candidatos: a aumento da segurança no Campus, aumento de verba para projetos, aumento do quadro de funcionários, transporte para professores.

Os candidatos ouviram todas as perguntas, sugestões e garantiram fazer o possível para atender a todos.